CENTARA RAS FUSHI, MALDIVES


The second day in the Maldives got a lot more exciting. We started by waking up around 7 in the morning to catch a boat to the Centara Ras Fushi Resort where we would spend the day laying on the beach and doing all sorts of fun water activities. If you want to know a little bit more about it, keep reading this post.

O segundo dia nas Maldivas foi bastante mais entusiasmaste. Começamos por acordar às 7 da manhã para apanhar um barco que nos ia levar ao Resort Centara Ras Fushi, onde iríamos passar o dia a apanhar sol e fazer todo o tipo de atividades aquáticas. Se querem saber um pouco mais sobre este dia, continuem a ler. 

The ride took about half an hour. I had no expectation what so ever, as to what to expect from this private island resort type of thing. But oh my... It was fantastic. We were welcomed by a few locals who showed us around and went straight for breakfast. Being in a tropical island, obviously means there is bound to be huge amount of delicious and colorful tropical fruits lying around waiting to be eaten. But that's not the (only) reason why we were in Centara, so we headed to the beach afterwards.
Once we got to the beach, it was extremely warm so we went in the water where I noticed something I had never seen before... sharks swimming next to me! That's right, baby sharks mostly, but still totally scary and surprisingly harmless. I couldn't get one on camera as they are really fast and it's not the kind of thing you want to chase around the water. These kind of private islands are pretty far form the main land, Malé, so the snorkeling activities are massive. Lots of corals to explore, sting rays to swim with, shark and turtle points... you name it. Unfortunately, we were only spending the morning there so we couldn't book any of that. One day though I hope to explore this sport a bit more in order to overcome my fear of life underwater. 
I have to say, the Maldives surprised me in a great way but I discovered something about myself on this mini vacation: that I'm not fond of this sitting around sipping drinks and laying in the sun all day kind of tourism. Don't get me wrong, it's beautiful and if you're into relaxing without lifting a finger, the Maldives is for you, but if you're into exploring and walking around this might not be the place for you. I would say two-three days and you start to get bored. 
Despite all of this, the Maldives will always hold a special place in my heart. For one, it was one of my first operational flights which gave me an opportunity to fly somewhere incredible whilst working. Second, I met lots of great people on this trip and had so much fun. 
This concludes the "Maldives" chapter which leads us to a whole new country. Also in Asia and that is one of my all time favorites. Can you guess which one I'm talking about? Don't miss it!

A viagem demorou cerca de meia hora. Não tinha qualquer tipo de expectativas sobre o que esperar destas ilhas estilo resort, mas foi sem dúvida uma surpresa positiva. Fomos recebidos por um grupo de locais que nos fizeram um pequeno tour pela ilha até chegar à sala do pequeno almoço. Estar numa ilha tropical implica que algures por ali existe uma mesa enorme cheia de frutas deliciosas e coloridas à espera de ser devoradas por turistas. Mas esta não era a única razão pela qual nos deslocamos até Centara, por isso de seguida fomos logo para a praia. 
Estava um calor abrasador e como qualquer pessoa normal fui à água. Tudo estava perfeito até me deparar com um pequeno pormenor... tubarões! É verdade havia muitos tubarões, maioritariamente bebés por estas águas que estranhamente eram inofensivos. Não consegui apanhar nenhuma fotografia visto que são extremamente rápidos e persegui-los não é algo que me pareça uma boa ideia. Estas ilhas privadas são ainda um pouco longe da ilha principal, Malé, logo todas as atividades tipo snorkeling, nadar com raias, pontos de observação de tubarões e tartarugas estão localizados por aqui. Infelizmente só tínhamos a manhã disponível logo não foi possível marcar nada disto. Apesar de tudo, espero um dia me dedicar a esta causa a sério para ultrapassar o meu medo da "vida de baixo de água".
Tenho que confessar, as Maldivas são o paraíso na terra mas fizeram-me descobrir algo muito importante sobre mim: que não sou fã deste turismo de "papo para o ar" a beber cocktails o dia todo enquanto apanho sol. Não me levem a mal, é lindo e se estão à procura de um lugar para descansar é o país perfeito, só não faz o meu género. A meu ver dois ou três dias desta vida e fico aborrecida. 
Mesmo assim, as Maldivas vão ser sempre muito especiais para mim. Primeiro, foi um dos meus primeiros voos operacionais e que me deu a oportunidade de visitar estas ilhas incríveis  Segundo, conheci pessoas super divertidas e passámos dois dias espetaculares.
Isto conclui o capítulo Maldivas, que nos leva ao próximo país. Sem dúvida um dos meus favoritos até à data e que também é na Ásia, conseguem adivinhar? Não percam!

3 comments

  1. Um lugar maravilhoso! :)

    http://checkinonline.blogspot.pt/

    ReplyDelete
  2. As Maldivas são aquele tipo de destinos muito procurado para lua-de-mel mas eu realmente não me via num destino como este uma semana sem fazer nenhum.

    ReplyDelete

© Guess What

This site uses cookies from Google to deliver its services - Click here for information.

Professional Blog Designs by pipdig